Encantos da Serra do Lopo

Pico do Lopo
Serra do Lopo - Pedra das Flores
A cachorra Brisa e a vista do cume pico do lopo

Serra do Lopo esta localizada na Serra da Mantiqueira, cadeia montanhosa que se estende pelos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, a Serra do Lopo é assim denominada devido à existência de lobos que habitavam a região (Lupus – lobo em Latim).

Cume Pico do Lopo visto da Pedra das Flores, que estava repleta de Amarilis quando esta foto foi tirada

A Serra do Lopo fica na divisa dos Estados de Minas Gerais (Extrema) e São Paulo (Joanópolis): sua porção leste, faz fronteira com a cidade paulista de Joanópolis, ao sul com a represa do Jaguari, ao norte com a Serra de Itapeva e a oeste com a Serra de Anhumas.

Pico do Lopo
Local chamado “sofazinho”, perfeito para sentar e contemplar a vista

O Pico do Lopo (ou do cume) é o ponto mais alto da Serra que lhe dá este nome, com 1.700 metros de altitude e oferece uma vista de 360 graus da região.

Serra do Lopo - Extrema MG

O acesso mais utilizado é a partir da Rodovia Fernão Dias, através da cidade de Extrema, cuja subida tem trechos bastante íngremes, mas pavimentados. O acesso pela cidade de Joanópolis é feito pela estrada Entre Águas e Serras ou pela Estrada Revolucionários Paulistas, sendo recomendado utilização de veículo 4×4.

A trilha para a Serra do Lopo tem seu início na Pousada Céu da Mantiqueira, onde é cobrada uma taxa de entrada de R$ 20,00 por pessoa (2021). Tem aproximadamente 9 km de ida e volta, com trechos de caminhada por estrada de terra inicialmente, e posteriormente uma trilha bem demarcada por entre a vegetação típica da Mata Atlântica, com muitas raízes e troncos pelo caminho.

Começamos a trilha por um trecho de subida feito pela própria pousada de pequena escadaria. Mais alguns metros adiante, temos uma pequena entrada à direita e chegamos à Pedra do Marino (ou do Altar), de onde avistamos a cidade de Extrema e à esquerda Pedra dos Cinco Dedos, onde a subida exige equipamentos de escaladas.

Segue-se a estrada beirando uma lagoa, por trás das árvores, onde a guia e condutora da Pousada Céu da Mantiqueira chamada Brisa (cachorra de raça Pastor Alemão famosa por sempre acompanhar os trilheiros e visitantes) adora se refrescar. Mais alguns metros adiante, já no trecho de mata, à esquerda, temos um difícil acesso entre árvores e vegetação não muito  bem demarcada, que dá acesso à Pedra dos Cabritos, com 1.611 metros de altitude, de onde avistamos a Pedra das Flores e o cume da Serra do Lopo.

Serra do Lopo - Pico do Lopo - Extrema MG

Até a famosa Pedra das Flores, uma grande plataforma rochosa com área de aproximadamente 1 km², com as mais variadas flores presentes nela (bromélias, orquídeas, amarílis), por isso seu nome, são aproximadamente mais 1,4km de caminhada. Dela avistamos a cidade de Joanópolis, a represa do Jaguari e o cume da Serra do Lopo.

Serra do Lopo - Pico do Lopo

Da Pedra das Flores até o cume, a caminhada possui mais desníveis, trechos acidentados e no final, trechos de escalaminhada. Porém, o visual de 360 graus da região compensa todo e qualquer tipo de esforço! O Pico do Lopo é a pedra que possui maior altitude do local (1.700m) e o alcance do livro em seu topo só é possível através de equipamentos de escalada.

Pico do Lopo - Nascer do sol no cume

A Secretaria do Turismo do município de Extrema (Extrema Tur) criou 5 regiões turísticas para orientar o turismo na região:

Rota dos Ventos: porção sul, com principal atrativo a Serra do Lopo e as duas rampas de vôo livre, uma de madeira, voltada para São Paulo e uma de metal, voltada para Minas Gerais; inclui também a Trilha do Pinheirinho, Pedra do Sapo e Pedra da Sacerdotisa;

Pico do Lopo - Serra do Lopo

Rota do Sol: porção norte, contendo trilhas e passeios rurais da Prainha do Juncal e Serra das Anhumas;

Rota das Águas: porção leste, incluindo o Pico do Lobo Guará, o Parque Municipal da Cachoeira do Salto, alambiques, cachaçarias e o apiário;

Rota das Pedras: porção oeste que possui como atrativos as inscrições rupestres do sítio arqueológico Pedra do índio, Serra das Anhumas, ateliê de artes e retiro budista;

Rota das Rosas: centro urbano, cujos atrativos são o Santuário de Santa Rita de Cássia, Cachoeira do Jaguari Parque Municipal de Eventos. (o rio Jaguari alimenta o Sistema Cantareira de fornecimento de água para a região metropolitana de São Paulo)

Pico do lopo na Serra do Lopo
Foto tirada na rampa de vôo

Quem ainda não teve a oportunidade de conhecer essa incrível região, fica a dica!
Próximas saídas para o cume pico do lopo: https://trilhasviagens.com.br/viagens/pico-do-lopo/

A Serra do Lopo e todo o seu entorno tem uma energia fantástica, com a natureza exuberante e vistas de encher os olhos! Não deixem de apreciar e conhecer!

Bibliografia e links interessantes:

http://www.ipatrimonio.org/extrema-serra-do-lopo/

http://www.extremos.com.br/Videos/drone_da_montanha/150820_pico_do_lopo/

https://ricardoferes.com/project/serra-do-lopo/

https://www.minasgerais.com.br/pt/atracoes/extrema/natureza/serra-do-lopo

https://www.facebook.com/pousadaceudamantiqueira/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Serra_do_Lopo

https://www.viagemparasolteiros.com.br/detalhes-pacote.asp?id_pacote=144&idd=68#:~:text=A%20Serra%20do%20Lopo%20est%C3%A1%20localizada%20no%20Complexo%20da%20Mantiqueira.&text=O%20denominativo%20Serra%20do%20Lopo,Guarau%C3%ADva%20(guar%C3%A1%20%E2%80%93%20uiva).

https://pt.wikipedia.org/wiki/Serra_da_Mantiqueira

Menu

× Como posso te ajudar?